Resenha: Fangirl

E aí meus unicórnios, como vão vocês? Hoje trago resenha de um livro que eu e a Malu lemos há muito tempo, mas que é muito especial ❤ (especialmente para as próximas resenhas)! Espero que vocês gostem!

download.png

Título:Fangirl

Autora:Rainbow Rowell

Editora:Novo Século

Número de páginas:424

O livro conta a história de Cath, uma menina que acaba de se mudar para a faculdade com sua irmã gêmea Wren, que decidiu que é hora das duas ficarem um pouco separadas, para conhecerem novas pessoas e terem novas experiências.

Cath e sua irmã são fãs de uma série de livros de Simon Snow, mas Cath é definitivamente a fã número um da série. Ela escreve uma das fanfics mais famosas sobre Simon e Baz e acredita que nada mais importa além disso.

“Eu conheço Simon e Baz. Eu conheço como eles pensam, o que eles sentem. Quando escrevo sobre eles, eu me perco completamente, e sou feliz.”

Aos poucos, Raegan, colega de quarto de Cath, e Levi, seu amigo/namorado estranhamente magro e alto, com olhos grandes demais, acabam ajudando-a a sair de sua zona de conforto. Wren e Cath foram abandonadas pela mãe ainda crianças, então quando Wren decide se tornar mais independente, Cath fica com medo e se fecha em si mesma, em seu quarto e em Simon e Baz.

Juntando toda a pressão em escrever sua fanfic, terminar seu projeto de escrita criativa, e o que quer que ela sinta por Levi, ainda há a preocupação com seu pai, sua irmã, e todos os desafios de quem está entrando na vida adulta.

56d88f5bcbfae1-11929380fangirl-trecho-3

Esse livro é incrível em todos os sentidos. A história, os personagens, a capa, o romance, tudinho mesmo, faz um combo em forma de livro, que te deixa cada fez mais apaixonado a cada página.

A Cath é uma personagem cheia de ambiguidades. Apesar de escrever uma história incrível e ser uma fangirl de carteirinha, ás vezes é um pouco infantil, o que só mostra e amplia os desafios pelos quais está passando. Ela também faz com que a gente se identifique muito por ser uma fã de séries de livros (gente como a gente haha).

Levi é como um cupcake (bem grande). Extremamente doce, atencioso e sorridente. Ele, Cath e Raegan formam uma turma incrível, porque um completa o outro, com suas personalidades diferentes.

A história é envolvente desde o início, com trechos das fanfics de Cath (que deixaram todos com a impressão de: isso é Harry Potter?), o romance (<3), as aventuras e as experiências vividas por todos os personagens. Só de falar já dá vontade de pegar e reler <3!

Os fãs também deixaram toda a história com um significado ainda maior, com suas fanarts, fanfic e etc!

c20867df10cee0f33b7119dd998f09d7fangirl-3

O livro da fanfic que Cath escreve, Carry on, já foi lançado no Brasil também pela editora Novo Século! Em breve sairá resenha dele aqui no blog!

Carry-On.jpg

Estrelinhas: 5 + ❤

Links para aquisição:

Livraria Cultura

Amazon

Saraiva

Submarino

Resenhas de outros livros da autora:

Ligações

INSTAGRAM DO BLOG: @unicorniodepapel

Resenha:Sr. Daniels

Hoje trouxe resenha do livro mais fofo, lindo, tocante, que te fará repensar sobre muitas coisas.

Título:Sr. Danielsdownload

Autora:Brittainy C. Cherry

Número de páginas:322

Editora:Galera Record

Sr. Daniels será narrado por Ashlyn Jennings, uma garota de 19 anos, que acabou de perder a irmã gêmea por conta de um câncer. Ela vai morar com o pai, já que sua mãe parece não se importar, e ela quer se aproximar do pai novamente.

Já nas primeiras horas na cidade do pai, ela conhece um rapaz na estação de trem, que a chama para ver sua banda tocar num bar. Ela aceita, querendo mudar sua vida, começando a fazer coisas novas, deixando para trás quem era antes da morte da irmã.

“Quando encarei seu rosto, tudo congelou. O mundo ficou em silêncio, e eu estava olhando para os olhos azuis que pareciam os oceanos mais cristalinos do planeta parecerem sem graça
Lindos.
De tirar o fôlego.
Brilhantes.
Olhos azuis.
Era o Sr. Belos Olhos, e não pude evitar um pequeno suspiro.”-Ashlyn

Os dois acabam se conhecendo mais ainda nesse bar, e Ashlyn mostra a lista que sua irmã fez antes de morrer, cheia de coisas extravagantes e divertidas, para que ela fizesse. A cada item da lista, ela leria uma carta deixada por sua irmã. Na primeira noite ela já completa uma tarefa, abrindo uma das cartas, graças a Daniel Daniels, o Sr. Belos Olhos.

“Cinco minutos atrás eu estava sozinho.
Cinco minutos atrás eu andava só.
Cinco minutos depois revelei meu segredo mais profundo
E quando você se virou, sussurrei: “Não saia só meu mundo.””-Romeo’s Quest

Depois de alguns dias, os dois acabam se encontrando no colégio onde Ashlyn irá estudar, e a ficha cai: os dois são professor e aluna. Nenhum dos dois sabe como reagir, ficando extremamente constrangidos, e chateados, porque mesmo em pouco tempo, sabem como é a perda, a dor, e acharam consolo e entendimento um com o outro.

O livro é contado com uma narrativa envolvente, divertida e muito reflexiva. Uma leitura extremamente rápida, com muitas letras de música da Romeo’s Quest, a banda de Daniel.

Os personagens são diferentes de tudo que já li, a narrativa tem um jeitinho só dela, a autora é um amor de pessoa.

O livro mostra que não tem problema em não estar bem, exatamente como Daniel disse. Mostra que a dor da perda, nem sempre vai embora, mas que com o tempo aprendemos a conviver com ela.

Um livro maravilhoso, com uma mistura de emoções, positivas e negativas, bem escrito, com trechos maravilhosos! Todos ficamos com um gostinho de quero mais quando acabamos esse livro, querendo uma continuação para Ashlyn e Daniels.

E agora? Só nos resta esperar e rezar para que a Galera Record traga mais livros maravilhosos da autora para o Brasil!

Estrelinhas:5 + ❤

INSTAGRAM DO BLOG:@unicorniodepapel