Resenha: A Última Carta de Amor

E aí meus unicórnios, como vão vocês? Hoje trago resenha de um livro que li recentemente, e que ganhei de presente de uma pessoa que adora bacon (que se estiver lendo isso vai saber quem é) e que eu realmente gostei!

download (27).jpg

 

Título: A última Carta de Amor

Autor:Jojo Moyes

Editora: Intrínseca

Número de páginas:378

O livro conta a história de Ellie Haworth, uma jornalista que vive nos anos 2000, e Jennifer Stirling, uma mulher da elite do sul da França, que viveu um grande romance nos anos 1960.

Jennifer acorda em um hospital, sem se lembrar de nada, depois de um acidente de carro, que todos insistem em não mencionar ao seu redor. Pouco tempo depois, estranhando as pessoas à sua volta e algumas de suas atitudes, além de um casamento que não vai muito bem, Jennifer começa a achar cartas de amor endereçadas à ela, mas todas estão assinadas somente por -B.

Depois de achar as tais cartas, começa a procurar por qualquer indício de B, e algo que possa levá-la a ele, com flashes de antes do acidente, misturados com a história de seu presente, tornando a história mais misteriosa e encantadora.

“Começara a calcular o abismo entre o que ela fora, uma criatura otimista, adorada, talvez até mimada, e a mulher que ela agora habitava. Sabia quase tudo o que era possível saber sobre si mesma, o que não melhorava sua constante sensação de deslocamento, de ter sido jogada na vida errada.”

Cerca de 40 anos depois, a jornalista Ellie Haworth acha as cartas de B nos arquivos de seu jornal. Comovida pelas palavras escritas quatro décadas antes, resolve procurar sobre o paradeiro de B e de Jennifer.

“Ellie relê a carta e se vê, inexplicavelmente, com os olhos cheios d’água. Não consegue desviar o olhar da letra grande, cheia de volteios. A urgência das palavras a toca mais de quarenta anos depois delas serem escritas.”

Com a pesquisa de Ellie, ela também reflete sobre muitos problemas de seu próprio caso de amor, com um homem casado que parece estar com ela apenas pela atração física.

O livro é dividido em partes, algumas contando a história de Jennifer, outras a história de Ellie, e sua busca por B e a própria Jennifer.

Uma coisa muito interessante do livro, são as diferenças de cultura e costumes, de uma época para outra, como a questão da independência da mulher, os relacionamentos de uma época para outra, casos fora do casamento, etc.

A narrativa se divide entre os pontos de vista de Jennifer, Moira, a assistente do marido de Jennifer, Anthony, um jornalista do jornal Nation, e Ellie.

Uma narrativa leve, com muito romance e drama, que te conquista desde o início.

OBS:Teacher Fábio, se você estiver lendo isso, muito obrigado por me dar a oportunidade de ler esse livro maravilhoso!

Estrelinhas : 4

Links para aquisições:

Amazon

Submarino

Saraiva

Fnac

Resenhas de outros livros da autora:

https://unicorniodepapel.wordpress.com/2016/04/29/como-eu-era-antes-de-voce/

INSTAGRAM DO BLOG: @unicorniodepapel

Resenha: Um Dia

E aí meus unicórnios, como vão vocês? Hoje trago resenha de um livro que tem um lugar especial no meu coração <3! Eu realmente amo essa história e espero muito que vocês gostem!

download (24)

 

Título: Um Dia

Autor: David Nicholls

Editora: Intrínseca

Número de páginas:416

O livro conta a história de dois amigos, Dexter Mayhew e Emma Morley, que se conhecem no dia de São Switchin, e que desenvolvem laços fortes e permanecem amigos pela vida toda.

Emma e Dexter se conhecem no dia de sua formatura na faculdade, quase acabam ficando juntos, mas preferem se tornar somente amigos.

“— Estou tentando servir de inspiração. Preparar sua alma negra para a grande aventura à sua frente. — Virou-se e olhou para ele. — Não que você precise disso. Imagino que já esteja com o futuro bem-planejado, muito bem-planejado. Deve ter até um fluxograma ou coisa assim guardado em algum lugar.”

20 anos são contados no livro, todos no dia de São Switchin, uma espécie de aniversário de amizade para Emma e Dexter. Nesses 20 anos, inúmeras reviravoltas na vida dos dois protagonistas acontecem, como a fama, crises matrimoniais e financeiras, o luto e outras coisas da vida, que tornam os personagens mais parecidos conosco, mesmo que vivam em épocas diferentes.

“-Eu te amo, Dex. Muito. Eu só não gosto mais de você.”

A evolução dos personagens a cada ano que se passa é nítida, apesar de nem sempre ser positiva, especialmente no caso de Dexter, que é o que se considera “cabeça vazia”, pelo menos nos 10 primeiros anos. Já Emma é centrada e sabe o que quer, apesar de nem sempre ter sucesso.

A história é muito envolvente, engraçada e triste, tudo na medida certa. Os personagens te conquistam completamente (pelo menos no meu caso) e hoje sei que Dexter, apesar dos pesares, é meu maior ídolo!

Emma é nerd declarada e um pouco quadrada às vezes, mas não deixa de ser incrível, e um exemplo de mulher, apesar das muitas burradas que também comete.

O livro foi adaptado para o cinema em 2011, com o roteiro criado pelo próprio autor, o que resultou em uma obra extremamente fiel ao livro. Os atores protagonistas são Anne Hathaway como Emma e Jim Surtgess como Dexter.

tumblr_lynoucmgg31r89pb4o1_500

Estrelinhas: 5 + ❤

Links para aquisição:

Saraiva

Amazon

Submarino 

Livraria Cultura

Americanas

Crush Literário Book Tag

E aí, meus unicórnios, como vão vocês? Hoje vim responder uma tag muito engraçada que vi no canal da Thaís Rozendo (a diva Tha do Team Maddox <3). Adaptei algumas perguntinhas, para ficar mais acessível aos jovens menores de 18 anos hahahaha.

1- “É oficial: fui 100% ignorado pelo crush. Podem me dar meu certificado de trouxa.” – Sua maior decepção literária.

oteoremakatherine

Tenho quase certeza de que essa não foi só a minha grande decepção. Esperava muito mais desse livro, e esperava aprender matemática na escola, não com o Tio João Verde.

2- “Foto do crush como wallpaper do celular: Quem nunca?!” – Livro que tem o modelo mais bonito na capa

download (5)

Amo essa capa, amo esse livro, é meu preferido da trilogia, amo o Jem, amo tudo <3!

3) “Tava indo tão bem com o crush, mas aí ele fez um comentário machista. Tadinho.” – Livro com um personagem babaca

download (6)

Escolhi o Krit, de Bad For You, o sétimo livro da série Sea Breeze de Abbi Glines. Ele é um babaca em relação às mulheres por ter uma boca extremamente suja, e às vezes um babaca em relação à Blythe, mas também consegue ser extremamente fofo <3!

4- “Olha onde cheguei, brigando por causa de crush” – Livro ou autor que alguns não gostam e você defende passionalmente

Anexos-de-Rainbow-Rowell

Todos sabem que eu amo a Rainbow do fundo do meu coração, e defendo todos os livros dela, é uma das autoras que mais falo, em todo lugar, e os livros dela são maravilhosos<3!

5- “A sua noite já está ruim, dai tudo que você precisa saber é que o seu crush vai ficar com alguém hoje… turma não tem noção mesmo, não preciso saber disso” – Livro com ótimas descrições dos acontecimentos.

Capa (1)

Quem leu Tia Abbi sabe que detalhe é pouco para descrever o que essa mulher faz nas cenas mais calientes hahaha!

6- “Fui curtir uma foto antiga do crush pra ele se tocar que to stalkeando, mas percebi que já tinha curtido tudo. Não sei lidar.” – Autor que você já leu todos, ou a maioria dos livros publicados.

imagem.aspx-2

Escolhi a Tia Paula Pimenta para não ficar muito repetitivo, já que só falta um livro da Cassandra Clare lançado aqui para eu ler.

7- “Você vê que o nível tá critico quando tu procura o nome do crush na busca do twitter mesmo sabendo que ele não tem twitter” – Livro que você está ansioso pelo lançamento.

dama-da-noite.jpg

O fandom shadowhunter inteiro está ansioso para este livro, e mesmo estando ansiosa para outros lançamentos desse primeiro semestre, esse é o que está me deixando contando os segundos!

8- “O pior de mandar mensagem com sono pro crush é que ele responde e NÃO TEM ASSUNTO” – Livro que você comprou por impulso e ainda não leu

Mais uma Chance capa em alta

O ÚNICO comprado e não lido, de todas as minhas prateleiras! Mas só fazem duas semanas, então a gente releva.

9- “O que a gente faz quando o crush corresponde? Nunca cheguei nessa fase do jogo e estou perdido!” – Livro que excedeu as expectativas que já eram altas.

download (7).jpg

A comunidade literária do YouTube inteira só sabia falar desse livro, e como sou uma pequena Maria Vai Com As Outras às vezes, fui com a maior expectativa e ela foi completamente superada. Quem leu sabe do que estou falando.

10- “E quando até ler crush te dá preguiça?” – Livro que você tem há muito tempo e ainda não leu.

Não tenho nenhum livro para colocar nessa pergunta hahahaha. Sempre que compro os livros já leio em seguida, exatamente por não gostar de acumular livros não lidos.

Essa foi a Tag, espero que tenham gostado, divulguem, comentem, assinem e até a próxima!

INSTAGRAM DO BLOG:@unicorniodepapel

Ed Sheeran Book Tag

E aí meus unicórnio, como estão? Hoje trouxe a Ed Sheeran Book Tag, que vi lá no canal da Melina Souza, e como sou super fã desse ruivo maravilhoso, quis compartilhar com vocês <3!

1-Take It Back:um livro que você se arrependeu de ter comprado.

images (3)

Não que eu tenha me arrependido, mas foi um tanto quanto desnecessário. Foi na sessão de autógrafos de Minha Vida Fora de Série 3, ano passado, e achei que poderíamos autografar mais de um livro da Paula Pimenta, mas só na hora da entrada que nos avisaram que não era permitido, ou seja, quebrei a cara lindamente, apesar de ter valido a pena rever a autora <3.

2-One:o primeiro livro que te marcou.

8 minutos

Esse livro me marcou por ter sido o primeiro livro de escola que eu li e realmente gostei, que me fez ler mais e mais no ano seguinte!

3-Kiss Me:um livro que tenha um personagem que você se apaixonou loucamente

images (4)

Se eu quisesse ser bem óbvia, poderia ter simplesmente falado Travis, de Belo Desastre e pronto. Mas, como todos sabem do meu amor por BD, não preciso sair enfiando ele em várias tags. Por isso, escolhi Rush Finlay, da série Rosemary Beach de Abbi Glines. Sei que esse não é o primeiro livro da série, mas foi o que me mostrou um lado de Rush que não conhecia, que me fez amá-lo ainda mais.

4-The A Team:um livro que entrou para o seu Top 5 da vida

download (1)

Mais um da tia Rainbow, mas entendam, tenham um carinho enorme pelos livros desse mulher <3. A história é maravilhosa, te deixa intrigado e tem um final destruidor de lares, mas continuo amando mesmo assim.

5-The City:um livro que se passa em alguma cidade que você ama.

download (3)

Escolhi Tensão, por se passar em Nova Iorque, que é uma das minhas cidades preferidas, apesar de não ter conhecido (ainda). E temos o maravilindo Gavin, que ta,mbém ajuda na escolha do livro. Em breve, resenha aqui no Blog!

6-One Night:um livro que você virou a noite lendo.

download

E escolhi Sr. Daniels, por ter acordado às quatro da manhã para terminar, o que aconteceu em menos de um dia. Esse livro é maravilhoso, e já tem resenha aqui no blog!

7-Let It Out:um livro que assim que acabou fez você sentir que precisava conversar com alguém sobre

18870150

Assim que acabei o oitavo livro da série Sea breeze, de Abbi Glines, corri para conversar com minha amiga Nádia, do Rush Too Far, que entendeu todas as minhas mensagens gritando o nome do Dewayne (meu personagem favorito da série), que aguentou quando mandei duzentos mil mensagens em menos de cinco minutos, que mandou todos os livros para mim e que não ficou brava quando li os livros antes dela <3.

8-You Break Me:um livro que te deixou bem mal.

A_MORTE_DE_SARAI_1417202725424149SK1417202725B

Esse livro me deixou bem mal por ter sido muito ruim, pelo menos para mim. A única pessoa que realmente me chamou a atenção no livro nem apareceu direito na história, e o final foi muito ruim para mim, me deixando numa ressaca enorme. Mas admito que o segundo foi bem melhor.

9-Smile:um livro que te deixou feliz.

Capa

O livro me deixou feliz por ser o final de um quarteto que se tornou muito querido por mim em pouco tempo, por ter sido super fofo e romântico, que acompanhou uma das minhas fases bem melosas <3.

10-I can’t spell: um livro ou autor que você não consegue pronunciar o nome.

download (4)

Como eu tenho a língua presa, não consigo falar o nome dessa mulher nem com reza. Poderia ter posto a J. A Redmerski, mas como ela já apareceu aqui, resolvi por a tia destruitora Becca mesmo.

Essa foi a Tag, espero que tenham gostado, e não vou marcar ninguém porque nem todos gostam de Ed Sheeran (não sei como). Beijos de luz e até a próxima!

INSTA DO BLOG:@unicorniodepapel