Fictional Boyfriend Book Tag

E aí meus unicórnios, como vão vocês? Hoje trago uma tag que todo mundo já fez, mas que é meu sonho (apesar de saber que vai ser muito difícil escolher um só para cada categoria) fazer! Espero que gostem!

1- O namorado mais romântico

A primeira pergunta já chegou pra f**** comigo. Depois de pensar absurdos escolhi simplesmente todos os meus crushs literários porque não tinha como escolher um só haha!

download-14

2- O bad boy misterioso que no fundo é bonzinho
Não pude pensar em ninguém além do Lucas, de Easy, que apesar de parecer frio e distante, é um rapaz super fofo, atencioso e apaixonante.
download (15).jpg
3- O namorado paranormal
Apesar de serem vários crushs paranormais, escolhi o mais fofo, que primeiro me veio à mente, Jordan Kyle, de Instrumentos Mortais, um lobisomem da Praetor Lupus.
4- O namorado que você quer domar
A lista é grande, a indecisão também, então decidi escolher Rush Finlay, que mesmo que já tinha sido domado, no início da série Rosemary Beach, me fez querer dar uns tapas nele e fazê-lo se acalmar, quando o assunto eram mulheres. (Não podemos esquecer também a resposta mais óbvia, o love, Travis Maddox vulgo amor da minha vida).

 

5- O cara na friendzone
download-17
Belo Desastre vai estar bem presente nessa tag por razões óbvias, mas não pude deixar de lembrar (apesar de haverem inúmeras opções) do Parker, que levou um pé na bunda tão grande, seguido de um pedido de amizade, que friendzone é pouco pra descrever.
 6- Sua alma-gêmea4893e1bf0034c98d44e3cf42171b974b.jpg
Pra mim, todos são almas-gêmeas, até porque libriano é um tipo de pessoa que adere a múltipla escolha, não é mesmo? Para esse, escolhi o Hartley, de The Year We Fell Down, que é a pessoa mais maravilhosa, fofa e ai meu Deus desse mundo.
c8bebbda4c5b4a4142f4d405817a676e.jpg
7- O namorado com quem você fugiria
Com certeza o Day de Legend poderia me levar pra qualquer lugar, eu iria sem pensar duas vezes.
8- O namorado que você arriscaria ir a qualquer lugar
rodrigo bett.jpg
Liam Quinn, de coração perverso, é o tipo de namorado que você encaixa desde um restaurante bacana, até uma produção de Romeu e Julieta <3.
9- O namorado que você gostaria que estivesse em uma ilha deserta com você
download-18
Taylor Maddox seria o que eu levaria para uma ilha deserta, porque ele é bombeiro (veio na cabeça a música do bombeiro agora) então ele manja das coisas dos salvamentos da vida, e a gente ia se amar lá e ele iria nos salvar se necessário haha.
10- O namorado fodão
Dominic Slater é o namorado fodão, assim como Travis, Trenton, Tyler, Tripp Newarck, Jace Wayland, Will Herondale, Jem Carstairs, Day, Daniel, Tristan, Logan, Miles, Cash, Gavin, Aspen, Rush, Grant, Woods, Victor, Frederik, Holder, Lucas, Boyce, Mase, Hartley, Ezio, Levi, Wes e tantos mais que eu nem lembro, mas que a sua maneira, são f****.
Essa foi a tag, espero que tenham gostado, nos sigam no Instagram e no blog!
INSTAGRAM DO BLOG:@unicorniodepapel

Então eu li: A Coroa

E aí meus unicórnios, como vão vocês? Hoje trago mais um Então eu li, dessa vez sobre o último livro da série A Seleção, de Kiera Cass (que já foi muito mencionada aqui no blog).

AVISO: SPOILERS DE A HERDEIRABaixar-Livro-A-Coroa-A-Selecao-Vol-05-Kiera-Cass-em-PDF-ePub-e-Mobi-ou-ler-online

Título: A Coroa

Série: A Seleção #5

Autora: Kiera Cass

Editora:Seguinte

Número de páginas:312

Como sabemos o final de A Herdeira, quarto livro da série, deixou muitas pontas soltas e possibilidades para o fechamento da série.

América, mãe de Eadlyn, acaba sofrendo um ataque cardíaco, por ter recebido a notícia de que seu filho, Ahren, havia fugido para se casar na França.

Nos momentos finais, Eadlyn percebe que é capaz de achar o amor verdadeiro, como seus pais, e que sua Seleção, terá um desfecho tradicional, com o pedido de casamento que todos esperam.

Em A Coroa, Eadlyn está mais evoluída, em todos os sentidos. Em A Herdeira, apesar de vermos sua maturidade e tudo mais, ainda vemos uma menina mimada e confusa com as escolhas que terá que fazer. Uma série de acontecimentos, a leva a se tornar mais forte, inteligente e madura, o que me agradou muito durante a leitura.

“Encostei na parede, prestes a desatar a chorar. Nenhuma pessoa é mais poderosa que eu. E, no entanto, nunca tinha me sentido tão indefesa.”

A Seleção acaba se reduzindo à Elite neste livro, e a autora acertou em cheio quando focou mais nos pretendentes e em suas questões, relacionadas ou não à princesa. Sempre no começo de uma nova história, como em A Seleção ou A Herdeira, eu fico muita confusa, e com muitas informações à digerir, porque são muitas pessoas, e o livro acaba ficando um pouco carregado, apesar de ir amenizando no decorrer da história.

Os pretendentes, empenhados em conquistar a princesa, acabam passando por dificuldades para chegar perto dela, já que com o afastamento de seu pai, ela acaba assumindo mitas responsabilidades e afazeres, o que contribui para sua evolução, amadurecimento e experiência.

“Se existem amigos que são almas gêmeas, você é a minha, e não quero que vá a lugar nenhum.”

Novos personagens são introduzidos, como Marid Illéa, filho de August Illéa, personagem presente em A Escolha (que apesar dos pesares, me cativou e me encantou), Srta. Brice, uma personagem que parece um pouco sem importância, até as últimas três páginas, mas que também ajuda a leitura a ficar mais leve e engraçada em diversos pontos.

Como minhas expectativas para A Herdeira não foram atendidas, eu li A Coroa sem esperar nada além de um desfecho para uma série que eu gosto e que me acompanha à praticamente três anos, mas que mesmo assim, não sou tão fã, quanto a Malu, por exemplo. O que foi uma coisa boa, porque eu me surpreendi muito com a leitura em diversos pontos, e me fez gostar muito mais do que eu esperava.

É uma leitura leve, como todos os outros livros, exceto pelas últimas 40 páginas, que como em todo livro de Kiera Cass, te deixam apreensivo e nervoso, mas que compensam com um final fofo e apaixonante, como sempre.

Minhas expectativas para esse livro se tornaram quase nulas, quando a capa foi revelada e eu passei dias encarando a sobrancelha da modelo (sem ofensas). Uma FanArt foi liberada na época, com um desenho muito mais bonito do que a capa escolhida pela editora, que realmente parecia remeter a uma parte do livro, mas era só uma FanArt (o que me deixou indignada).

Outra coisa, provavelmente o que deixou fãs com raiva (sim, eu olhei o Twitter), foi a escolha de Eadlyn. Eu, como a maravilhosa pessoa que ama ser do contra, acho que ela não poderia ter feito escolha melhor, ainda que fora dos moldes e das regras. Ela seguiu o coração, uma das poucas vezes na vida, e acertou totalmente. Todo mundo ficou: Mas o Kile…; e eu posso afirmar, que apesar de Eadlyn e Kile terem algum sentimento um pelo outro, a atração física, era maior do que qualquer que fosse esse sentimento.

a coroa fas

Apesar das ressalvas e de tudo, foi uma leitura rápida, prazerosa, divertida, e que sei que vai deixar muita saudade, não só para mim, mas para todos os fãs <3.

Estrelinhas: 4

 Links para aquisição:

Amazon

Saraiva

Fnac

Submarino

INSTAGRAM DO BLOG: @unicorniodepapel