Fictional Boyfriend Book Tag

E aí meus unicórnios, como vão vocês? Hoje trago uma tag que todo mundo já fez, mas que é meu sonho (apesar de saber que vai ser muito difícil escolher um só para cada categoria) fazer! Espero que gostem!

1- O namorado mais romântico

A primeira pergunta já chegou pra f**** comigo. Depois de pensar absurdos escolhi simplesmente todos os meus crushs literários porque não tinha como escolher um só haha!

download-14

2- O bad boy misterioso que no fundo é bonzinho
Não pude pensar em ninguém além do Lucas, de Easy, que apesar de parecer frio e distante, é um rapaz super fofo, atencioso e apaixonante.
download (15).jpg
3- O namorado paranormal
Apesar de serem vários crushs paranormais, escolhi o mais fofo, que primeiro me veio à mente, Jordan Kyle, de Instrumentos Mortais, um lobisomem da Praetor Lupus.
4- O namorado que você quer domar
A lista é grande, a indecisão também, então decidi escolher Rush Finlay, que mesmo que já tinha sido domado, no início da série Rosemary Beach, me fez querer dar uns tapas nele e fazê-lo se acalmar, quando o assunto eram mulheres. (Não podemos esquecer também a resposta mais óbvia, o love, Travis Maddox vulgo amor da minha vida).

 

5- O cara na friendzone
download-17
Belo Desastre vai estar bem presente nessa tag por razões óbvias, mas não pude deixar de lembrar (apesar de haverem inúmeras opções) do Parker, que levou um pé na bunda tão grande, seguido de um pedido de amizade, que friendzone é pouco pra descrever.
 6- Sua alma-gêmea4893e1bf0034c98d44e3cf42171b974b.jpg
Pra mim, todos são almas-gêmeas, até porque libriano é um tipo de pessoa que adere a múltipla escolha, não é mesmo? Para esse, escolhi o Hartley, de The Year We Fell Down, que é a pessoa mais maravilhosa, fofa e ai meu Deus desse mundo.
c8bebbda4c5b4a4142f4d405817a676e.jpg
7- O namorado com quem você fugiria
Com certeza o Day de Legend poderia me levar pra qualquer lugar, eu iria sem pensar duas vezes.
8- O namorado que você arriscaria ir a qualquer lugar
rodrigo bett.jpg
Liam Quinn, de coração perverso, é o tipo de namorado que você encaixa desde um restaurante bacana, até uma produção de Romeu e Julieta <3.
9- O namorado que você gostaria que estivesse em uma ilha deserta com você
download-18
Taylor Maddox seria o que eu levaria para uma ilha deserta, porque ele é bombeiro (veio na cabeça a música do bombeiro agora) então ele manja das coisas dos salvamentos da vida, e a gente ia se amar lá e ele iria nos salvar se necessário haha.
10- O namorado fodão
Dominic Slater é o namorado fodão, assim como Travis, Trenton, Tyler, Tripp Newarck, Jace Wayland, Will Herondale, Jem Carstairs, Day, Daniel, Tristan, Logan, Miles, Cash, Gavin, Aspen, Rush, Grant, Woods, Victor, Frederik, Holder, Lucas, Boyce, Mase, Hartley, Ezio, Levi, Wes e tantos mais que eu nem lembro, mas que a sua maneira, são f****.
Essa foi a tag, espero que tenham gostado, nos sigam no Instagram e no blog!
INSTAGRAM DO BLOG:@unicorniodepapel

Tag 7 Pecados Capitais

E aí meus unicórnios, como vão vocês? Hoje trago a tag 7 Pecados Capitais (já tem um tempinho que eu quero fazer essa tag) e eu espero que vocês gostem!

1-Avareza: Qual seu livro mais caro e o mais barato?

Meu livro mais barato é Diário de uma Paixão, do Nicholas Sparks, que custou 4 reais numa banca de jornal bem velha no centro haha, e o mais caro é Princesa Mecânica da Cassandra Clare que custou 42 reais (que doem um pouco no bolso).

 

2-Ira: Com qual autor você tem uma relação de amor e ódio?

download (3)

Já mencionei o livro aqui antes (tem resenha, se quiser ler clique aqui) mas ao meso tempo que eu amo Gavin e a história, a Emily é o que me faz odiar o livro muitas vezes. Extremamente indecisa e cega, tornando o livro um muitinho pior.

3-Gula: Qual livro você devorou sem vergonha alguma?

download (12)

O livro é tão bom, os personagens são tão incríveis, que eu não tenho nenhuma vergonha em admitir que li em um dia (mais da metade durante as aulas que eu supostamente deveria prestar atenção).

4-Preguiça: Qual livro você tem negligenciado devido a preguiça?

download-8

Não estou negligenciado por preguiça (não exatamente), mas porque essa série e essa autora são tão especiais para mim, que eu quero esperar pelo momento certo, para aproveitar a leitura o máximo possível!

5-Orgulho: Que livro você tem mais orgulho de ter lido?

503902_capa_g

Eu geralmente não gosto de exibir os livros que leio, mas esse eu particularmente me orgulho, por ter sido um livro que li à pedido da escola, que eu realmente gostei, e tive a chance de conhecer o autor, Mario Teixeira, que também escreveu a novela Liberdade, Liberdade, da rede Globo.

6-Luxúria: Que atributos você acha mais atraentes em personagens femininos e masculinos?

Em personagens femininos, mulheres fortes e inteligentes, como a Tamara de Magisterium, e até a Abby, de Belo desastre (apesar dos pesares), mas que sabem reconhecer a hora em que precisam de outras pessoas além delas mesmas. Em personagens masculinos, senso de humor, carinho e quando eles sabem que não podem proteger as mocinhas de tudo, mesmo que as amem muito, como Liam Quinn de Coração Perverso (tem resenha aqui no blog), e Lucas de Easy, que apesar de querer proteger Jacqueline, sabe que ela precisa enfrentar certas batalhas sozinha.

7-Inveja: Qual livro você gostaria de ganhar presente?

download-9

A lista é enorme, mas principalmente O Caderninho de Desafios de Dash e Lily, de David Levithan e Rachel Cohn, por ser um livro que se passa na época de Natal, que é época de ganhar presentes.

Essa foi a tag, espero que vocês tenham gostado! Se inscrevam para receber por e-mail sempre que tiver post novo, comentem e nos sigam no Instagram!

Resenha: Dama da meia-noite

E aí meus unicórnios, como vão vocês? Hoje trago resenha de um livro que eu acabei de ler, e estou tão nervosa, com o final e com tudo, que precisava compartilhar com vocês o mais rápido possível!dama-da-noite

Título:Dama da meia-noite

Série:Os artifícios das trevas

Autora:Cassandra Clare

Editora:Galera Record

Número de páginas:554

O livro se passa em 2012, cinco anos depois da Guerra Maligna, conduzida por Sebastian Morgenstern, que destruiu boa parte do mundo dos Caçadores de Sombras.

Mesmo tantos anos depois, Emma Carstairs não acredita que seus pais foram mortos por Sebastian, e busca vingança.Busca e reúne, provas e qualquer indício que possa levá-la ao assassino de seus pais.

Durante suas investigações, uma série de assassinatos, acontece em Los Angeles, todos muito parecidos com o de seus pais, mesmas marcações nos corpos, com água do mar, e etc. E é aí que Emma se envolve em uma grande investigação, com ajuda do Povo das Fadas.

“Se havia duas coisas que ele acreditava que não tinham limites, eram amor e imaginação.”

Pouco tempo depois da Guerra Maligna, as fadas foram consideradas traidoras, e a Paz Fria foi decretada, assegurando que nenhum Caçador de Sombras, ou qualquer outro membro do Submundo, tenha qualquer tipo de relação com o Povo das Fadas.

Quando o Instituto de Los Angeles foi atacado por Sebastian, em 2007, Mark Blackthorn foi levado, e se juntou, forçadamente, à Caçada Selvagem, e os Caçadores de Sombras foram impedidos de procurá-lo.

5 anos depois, Mark retorna para a família Blackthorn, para ajudá-los na investigação dos assassinatos, para descobrir quem os comanda, e assim, decidir seu destino.

“Todos os grandes filmes são sobre o amor. Amor perdido, amor encontrado, destruído, recuperado, comprado, vendido, morrendo e nascendo.”

Depois de quase um ano, sem ler nada de Cassandra Clare, o livro foi quase como um balde de água fria, que despertou muitos dos sentimentos, que só Cassandra poderia despertar em um leitor.

O livro se passa depois dos acontecimentos de Cidade do Fogo Celestial, o último livro da série Os Instrumentos Mortais, que tem muita (ou talvez total) ligação com a história atual.

Cassandra Clare aborda os temas e acontecimentos com delicadeza, sutileza, e o gosto e o cheiro metálico do sangue, uma de suas características mais marcantes. Cria personagens, mundos, e até vilões que te prendem e surpreendem a cada linha.

Emma Carstairs, calejada pelo que a vida, os Caçadores de Sombras e a morte fizeram com ela, mostra um grande desejo de vingança  e justiça, coisa que está inicialmente presente em Cidade do Fogo Celestial, onde os personagens de Os Artifícios das Trevas, são apresentados. Podemos ver, que quando ama alguém, é intensa e incondicional, defendendo sua família a qualquer custo.

Julian (Jules) Blackthorn, seu parabatai, é um dos personagens mais apaixonantes criados por Cassandra, que me lembrou muito de Jem Carstairs, personagem de As Peças Infernais, por sua calma e firmeza, e pelo amor àqueles que fazem parte de sua vida e de seu coração. Também podemos ver, mais forte do que nunca, o quanto o garoto lutou e o quanto sempre irá lutar para manter sua família unida.

O livro, sem sombra de dúvida, é o melhor início de série da autora, aterrorizante e feliz na medida certa, com equilíbrio entre os acontecimentos, personagens e cenários, formando uma história completa e cativante a cada página, que te faz querer conhecer os novos personagens que estão sendo introduzidos neste novo mundo.

A edição brasileira, manteve a capa americana, apenas adicionando um pouco mais de luz, e também conta com a primeira edição com holografia, um capítulo extra, sobre os personagens principais de Os Instrumentos Mortais, e a capa interna com desenhos, que faz com que você sinta mais vontade ainda de ler o livro. A editora Galera Record caprichou nos mínimos detalhes.

foto.JPG

O livro, foi inspirado em um poema de Edgar Allan Poe, Annabel Lee, uma peça fundamental do mistério do livro.

O segundo livro, Lord Of Shadows, ainda não tem previsão de lançamento em lugar nenhum, mas o site Idris Br, tem liberado alguns snipets (pequenos fragmentos do livro, lançados pelo autor antes do lançamento oficial do livro), deixando os fãs extremamente ansiosos por essa continuação <3.

Links para aquisição:

Amazon

Saraiva 

Livraria Cultura

Estrelinhas: 5+<3

INSTAGRAM DO BLOG:@unicorniodepapel

Top alguns livros que me fizeram viajar

tumblr_inline_mqdsgzTcgd1qz4rgp

E aí meus unicórnios, como vão vocês? Hoje trago Top alguns livros que me fizeram viajar, pelos simples fato de que eu estou colocando os livros que me vieram a cabeça na hora, então não me julguem pelo título estranho.

1-Nova Iorque

Esses três livros se passam em Nova Iorque, mostrando partes diferentes da cidade, fazendo com que você morra de vontade de frequentar os lugares que os personagens frequentam <3. Sem falar que os personagens e suas histórias são apaixonantes (tirando o Dillon de Tensão, mas isso é comentado na resenha).

2-Inglaterra

 

Inglaterra é um dos destinos mais modinha e clichê, porém ainda é meu sonho <3. Esses três livros retratam fases e regiões diferentes do lugar. Em Fazendo Meu Filme 2, podemos ver Brighton em detalhes. Em As Peças Infernais, podemos ver a Londres da era vitoriana, não com tanto foco no governo, mas ainda assim te faz querer viajar no tempo e conhecer o lugar na época!

3-Flórida

Nova Imagem (1)

Com certeza a série Rosemary Beach, de Abbi Glines, faz você querer pegar o primeiro avião para lá! É uma pequena cidade, mais conhecida por suas casas de veraneio. Na série, é mostrado um clube, o Country Club Kerrington (provavelmente é fictício), que com certeza te faz querer visitar o lugar e conhecer esse lugar que os personagens tanto amam <3.

4-Alabama

blogger-image--2030363527

Já falei bastante dessa série aqui, principalmente de Hold On Tight, o oitavo livro da série. Essa série se passa aos arredores da ilha de Sea Breeze, no Alabama, mais precisamente na cidade de Toocalosa, também no Alabama. É uma cidade praiana, e aparentemente muito divertida, pelo menos pelo que é mostrado nos livros, e realmente me fez querer viajar para lá, e visitar o Live Bay (uma espécie de clube à céu aberto que os personagens frequentam) e as praias tão mencionadas <3.

Esse foi o post de hoje, espero que tenham gostado, assinem por e-mail, para receber sempre que nós atualizarmos o blog, comentem e curtam. Até a próxima!

INSTAGRAM DO BLOG: @unicorniodepapel

Crush Literário Book Tag

E aí, meus unicórnios, como vão vocês? Hoje vim responder uma tag muito engraçada que vi no canal da Thaís Rozendo (a diva Tha do Team Maddox <3). Adaptei algumas perguntinhas, para ficar mais acessível aos jovens menores de 18 anos hahahaha.

1- “É oficial: fui 100% ignorado pelo crush. Podem me dar meu certificado de trouxa.” – Sua maior decepção literária.

oteoremakatherine

Tenho quase certeza de que essa não foi só a minha grande decepção. Esperava muito mais desse livro, e esperava aprender matemática na escola, não com o Tio João Verde.

2- “Foto do crush como wallpaper do celular: Quem nunca?!” – Livro que tem o modelo mais bonito na capa

download (5)

Amo essa capa, amo esse livro, é meu preferido da trilogia, amo o Jem, amo tudo <3!

3) “Tava indo tão bem com o crush, mas aí ele fez um comentário machista. Tadinho.” – Livro com um personagem babaca

download (6)

Escolhi o Krit, de Bad For You, o sétimo livro da série Sea Breeze de Abbi Glines. Ele é um babaca em relação às mulheres por ter uma boca extremamente suja, e às vezes um babaca em relação à Blythe, mas também consegue ser extremamente fofo <3!

4- “Olha onde cheguei, brigando por causa de crush” – Livro ou autor que alguns não gostam e você defende passionalmente

Anexos-de-Rainbow-Rowell

Todos sabem que eu amo a Rainbow do fundo do meu coração, e defendo todos os livros dela, é uma das autoras que mais falo, em todo lugar, e os livros dela são maravilhosos<3!

5- “A sua noite já está ruim, dai tudo que você precisa saber é que o seu crush vai ficar com alguém hoje… turma não tem noção mesmo, não preciso saber disso” – Livro com ótimas descrições dos acontecimentos.

Capa (1)

Quem leu Tia Abbi sabe que detalhe é pouco para descrever o que essa mulher faz nas cenas mais calientes hahaha!

6- “Fui curtir uma foto antiga do crush pra ele se tocar que to stalkeando, mas percebi que já tinha curtido tudo. Não sei lidar.” – Autor que você já leu todos, ou a maioria dos livros publicados.

imagem.aspx-2

Escolhi a Tia Paula Pimenta para não ficar muito repetitivo, já que só falta um livro da Cassandra Clare lançado aqui para eu ler.

7- “Você vê que o nível tá critico quando tu procura o nome do crush na busca do twitter mesmo sabendo que ele não tem twitter” – Livro que você está ansioso pelo lançamento.

dama-da-noite.jpg

O fandom shadowhunter inteiro está ansioso para este livro, e mesmo estando ansiosa para outros lançamentos desse primeiro semestre, esse é o que está me deixando contando os segundos!

8- “O pior de mandar mensagem com sono pro crush é que ele responde e NÃO TEM ASSUNTO” – Livro que você comprou por impulso e ainda não leu

Mais uma Chance capa em alta

O ÚNICO comprado e não lido, de todas as minhas prateleiras! Mas só fazem duas semanas, então a gente releva.

9- “O que a gente faz quando o crush corresponde? Nunca cheguei nessa fase do jogo e estou perdido!” – Livro que excedeu as expectativas que já eram altas.

download (7).jpg

A comunidade literária do YouTube inteira só sabia falar desse livro, e como sou uma pequena Maria Vai Com As Outras às vezes, fui com a maior expectativa e ela foi completamente superada. Quem leu sabe do que estou falando.

10- “E quando até ler crush te dá preguiça?” – Livro que você tem há muito tempo e ainda não leu.

Não tenho nenhum livro para colocar nessa pergunta hahahaha. Sempre que compro os livros já leio em seguida, exatamente por não gostar de acumular livros não lidos.

Essa foi a Tag, espero que tenham gostado, divulguem, comentem, assinem e até a próxima!

INSTAGRAM DO BLOG:@unicorniodepapel