Resenha: Anexos

E aí meus unicórnios, como vão vocês? Depois de fazer a resenha de Fangirl, decidi que durante o mês de novembro, toda semana teria uma resenha de alguma livro de Rainbow Rowell! Eu realmente espero que vocês gostem já que eu adoro essa auAnexos-de-Rainbow-Rowelltora e queria compartilhar um pouco das minhas opiniões com vocês!

Título:Anexos

Autora:Rainbow Rowell

Editora:Novo Século

Número de páginas:368

O livro conta a história de Lincoln, no ano de 1999. Ele trabalha em um jornal, monitorando e-mails, para ver se não estão usando palavras exageradas ou se estão fugindo das normas da empresa. Apesar de ser jovem, ele não tem perspectiva de vida.

“Amor. Propósito. Essas eram coisas para as quais não se podia planejar. Essas eram coisas que simplesmente aconteciam. E se não acontecessem? Você passava a vida toda ansiando por elas? Esperando para ser feliz?”

O emprego é um porre e ele está cansado de tudo, até encontrar Jennifer e Beth, as duas amigas que não tem papas na língua, e contam tudo uma a outra, e mesmo sem saber, acabam contando a Lincoln também.

“Quando Lincoln percebeu que não tinha enviado um alerta a Beth Fremont e a Jennifer Scribner-Snyder – depois de quantas ofensas? Três? Uma dúzia? -, não conseguiu se lembrar por que não enviara. Talvez porque ele nem sempre conseguia descobrir que regra elas estavam quebrando. Talvez porque parecessem completamente inofensivas. E legais.”

Tudo aquilo acaba se tornando divertido, e ler os e-mails das duas mulheres acaba se tornando o ponto alto do dia de Lincoln, além de sua motivação para fazer algo que não seja morar com a mãe e incentivar sua “barriguinha de cerveja”.

“Quando Killey me mostrou o anel dela – platina, 1,4 quilates -, eu tive muita vontade de dizer alguma maldade sobre ele. Quem precisa de um anel tão grande, eu te pergunto? Foram anéis daquele tamanho que fizeram nossas avós pensarem que Elizabeth Taylor era uma puta.”

Depois de muito tempo lendo os e-mails, Lincoln acaba descobrindo que Beth está a fim dele! Apesar de estar extremamente feliz com isso, ele também está com medo de que ela descubra que ele lê seus e-mails, além de ser extremamente inseguro consigo mesmo.

“Não. Não podia ser. Ela não poderia estar querendo dizer.. Ele se levantou de sua mesa, andou pela sala vazia de Tecnologia da Informação. Tornou a se sentar. Releu o e-mail. “Fofo”, ela havia dito. “Forte”, ela tinha dito. “Ah meu Deus, ela havia dito. “Lindo”.”

O livro é muito divertido, com muitas referências à época, o que o deixa mais interessante ainda. Não é o melhor livro da autora, mas não deixa de ser uma leitura gostosa e tranquila.

Lincoln e suas questões transformaram o livro em um chick lit com protagonista masculino, algo inovador, mas que só aumenta o nível do livro. Os e-mails também ajudam na classificação do livro como  chick lit.

Estrelinhas: 3/5

Links para aquisição:

Submarino

Amazon

Saraiva

Livraria Cultura

INSTAGRAM DO BLOG:@unicorniodepapel

Resenhas de outros livros da autora:

Ligações

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s