Resenha: Coração Perverso

E aí meus unicórnios, como vão vocês? Hoje trago resenha de um livro que acabei há pouquíssimo tempo, de uma série que já é resenhada pelo blog! Os links para as outras resenhas estarão no final do post.

1d1e859b-b9a4-458c-8bd6-6e36cb15016c

Título: Coração Perverso

Série: Starcrossed #3

Autora: Leisa Rayven

Editora: Globo Alt

Número de páginas:350

O livro conta a história de Liam Quinn e Elissa Holt, a irmã do famoso Ethan Holt, de Meu Romeu e Minha Julieta.

Liam e Elissa se conheceram há seis anos, em um bar, e já sentiram um enorme choque de atração um pelo outro. Depois, se tornaram mais próximos ainda, na produção de Romeu e Julieta em que Elissa estava trabalhando.

Depois de um rápido romance, Liam vai para Los Angeles, deixando Elissa com a esperança de que eles irão se encontrar em algum momento no futuro, e com um coração despedaçado.

“Anos atrás, vi um artigo de revista que dizia que todo mundo deveria ter o coração partido ao menos uma vez para se transformar em uma pessoa melhor. Dizia que a dor de perder alguém que se ama faz você aprender sobre si mesma. Desenvolve força e resiliência.”

Seis anos depois de ter despedaçado o coração de Elissa, Liam volta para Nova Iorque, para trabalhar em mais uma peça que Elissa está dirigindo, mas desta vez está noivo da atriz principal, e atado dos pés à cabeça com sua vida em Hollywood e seu casamento.

“ – Eu senti sua falta, Liss. Dói não te ver por todos esses anos, mas isso? Você estar bem aqui e eu não poder ter você? Dói muito mais.”-Liam.

Mesmo depois de seis anos, o que sentem um pelo outro não mudou nem um pouco, pelo contrário, só cresceu exponencialmente. Mas os dois tentam manter tudo no nível estritamente profissional, apesar da enorme atração e tensão que cercam os dois e sua história juntos.

“Ele me encara por alguns segundos e, que merda, não acredito que depois de todos esses anos o efeito dele sobre mim não diminuiu. O tempo deveria curar tudo, certo? Bom, ele não ensinou meu coração a parar de desejar um homem que não me quer.”-Elissa.

Os dois enfrentam uma enorme quantidade de problemas, não só pelo fato de Liam estar comprometido, mas por sua fama, que agora o segue para onde ele for, cercado por fotógrafos, jornalistas, etc.

Elissa me surpreendeu muito, ainda atendendo às minhas expectativas. É uma mulher forte, trabalhadora e extremamente boa no que faz, além de ser apaixonante e com um enorme coração.

Liam é arrogante, mas gentil, engraçado, e resguardado, uma tempestade de controvérsias que o tornaram um personagem maravilhoso, isso sem falar em sua aparência! Ele e Elissa juntos formam um dupla incrível, que se completa, se ajuda e se ama incondicionalmente.

O livro é incrível. Com muito romance, amor, amizade, senso de humor e drama, tudo nas medidas certas. Uma escrita fácil, fluida e atual, que nos faz querer engajar no livro desde a sinopse.

*Eu realmente quero um Josh na minha vida <3.

Estrelinhas: 5 + ❤

Links para aquisições:

Amazon

Saraiva

Submarino

Livraria Cultura

Outras resenhas da autora:

Resenha: Meu Romeu

Resenha:Minha Julieta

INSTAGRAM DO BLOG: @unicorniodepapel

Anúncios

Resenha: Muito mais que o acaso

E aí meus unicórnios, como vão vocês? Hoje trago resenha de mais um livro adquirido na Bienal, e que eu tive a oportunidade de conhecer o autor no lançamento de seu primeiro livro! Ele é filho Bianca Briones, a autora da série Batidas Perdidas,  As Fases da Lua e Como se Fosse Magia.

shopping

Título: Muito Mais que o Acaso

Autor: Athos Briones

Editora: Gutenberg

Número de páginas: 159 

O livro conta a história de Victor, um garoto comum, de um bairro simples de São Paulo, que acaba de mudar para uma escola de pessoas de nível financeiro diferente, com uma bolsa de estudos por jogar futebol extremamente bem.

“Que mundo triste este em que um garoto pensa que todos que lhe oferecem algo bom estão esperando receber outra coisa em troca (…) É que sempre é assim não é mesmo?”

Ele sonha em proporcionar uma vida melhor para sua mãe e sua irmã, e agora com essa oportunidade em mãos, ele não pode deixá-la passar, apesar de estar completamente fora de sintonia com seu novo colégio, no primeiro momento.

 “Agora eu estava com um pé em cada mundo e nunca me senti tão perdido.”

Em sua nova escola, acaba conhecendo Sophia, em quem acaba confiando seu coração, pouco a pouco, além de seus amigos Matheus e Leo, que apesar de terem vidas diferentes, fazem com que Victor se encaixe quase que perfeitamente na nova escola.

“O ensino médio é uma loucura. É quando começamos a nos descobrir e tentamos ajudar uns aos outros para que façam o mesmo. O destino me trouxe para a vida de Sophia e a trouxe para a minha, porque ele sabia que precisávamos um do outro.”

Victor e Sophia iniciam uma espécie de relacionamento, quando começam a cuidar de uma cadela que acabou de dar a luz, e que Sophia trouxe para o colégio. Com isso, os dois acabam se aproximando bastante, apesar das diferenças.

” Ela me faz bem apenas por estar perto e eu estou gostando muito disso. “
O livro é bem curtinho e tem uma escrita bem levinha, o que deixa a leitura muito gostosa. Muitas gírias e mensagens, que são normais e constantes no nosso dia aparecem no livro, e é muito legal ver que o autor incorporou coisas normais e atuais ao livro.
Também é muito interessante a maneira como a realidade de muitos jovens é mostrada de maneira extremamente realista, como a simplicidade, escolha de carreira por pressão, entre outras coisas que deixam o livro mais próximo dos leitores.
Victor e Sophia são meu novo casal 20, sem sombra de dúvida. Os dois se completam de uma maneira muito bonita, com simplicidade, honestidade e muito amor <3.
Cada vez que algo muito fofo entre eles acontecia, e eu lembrava que faltavam poucas páginas para que o livro acabasse, eu quase implorava por mais 200 páginas, pelo menos!
foto
Bem cansada e com muita dor no corpo, mas feliz e tendo mais um ataque de Fangirl, tudo ao mesmo tempo!
Estrelinhas: 4
Links para aquisição:
INSTAGRAM DO BLOG: @unicorniodepapel

Resenha: O Orfanato da Srta. Peregrine para Crianças Peculiares

E aí meus unicórnios, como vão vocês? Hoje trago resenha de mais um livro que foi uma surpresa, um gênero com o qual não estou muito acostumada, mas que gostei bastante!

download

Título:O Orfanato da Srta. Peregrine para Crianças Peculiares

Autor:Ransom Riggs

Editora:Leya

Número de páginas:336

O livro conta a história de Jacob, um garoto de 16 anos, que aparentemente tem uma vida normal.

Porém, quando Jacob se acostuma com sua normalidade, seu avô, Abe, morre em seus braços, atacado por algum tipo de monstro.

“Eu tinha acabado de aceitar que minha vida seria apenas comum quando coisas extraordinárias começaram a acontecer comigo.”

Seu avô sempre havia contado sobre as histórias de sua infância, em um orfanato em uma pequena ilha do País de Gales, durante a segunda Guerra Mundial, e como as crianças daquele orfanato eram diferentes.

“Será que era isso que meu avô queria que eu encontrasse? É, só pode ser – não as cartas de Emerson, mas uma carta guardada dentro do livro de Emerson. Mas quem era essa diretora escolar, essa Alma Peregrine?”

Quando seu avô morre, Jacob se sente na obrigação de descobrir mais sobre o que aconteceu naquele orfanato, e sobre as origens de seu avó.

Ele e seu pai viajam para a pequena ilha, e Jacob acaba achando o antigo orfanato, completamente destruído depois da queda de uma bomba, à primeira vista, mas depois, consegue realmente ver os que ali moraram, ou moram.

“Mas o que eu realmente achei assustador não foram as bonecas zumbis ou os cortes de cabelo estranhos das crianças ou como elas pareciam não sorrir nunca: quanto mais examinava as fotos, mais familiares me pareciam.” 

Reconhece Emma, a garota que podia fazer fogo com as palmas das mãos, o garoto que tinha abelhas por toda sua volta, entre outras crianças, que havia visto antes nas fotos que seu avô havia lhe mostrado.

image7

A narrativa é extremamente fácil e leve, mas a história é um pouco lenta, especialmente no começo. Mas depois, os acontecimentos se conectam de uma maneira incrível, juntando com o tom de suspense presente na narrativa, e com as ilustrações (verdadeiras), formando uma história única e cativante.

O livro foi adaptado para o cinema, e está em processo de pós-produção. Foi dirigido por Tim Burton, o que já nos deixa com altas expectativas, e tem como protagonistas Asa Butterfield (O Menino do Pijama Listrado), Eva Green e Ella Purnell.

55588_full

O filme tem previsão de lançamento para 30 de setembro nos Estados Unidos, e 29 de setembro no Brasil.

Estrelinhas:5 + ❤

Links para aquisição:

Amazon

Submarino

Saraiva

Fnac

INSTAGRAM DO BLOG: @unicorniodepapel

 

 

Resenha: A Última Carta de Amor

E aí meus unicórnios, como vão vocês? Hoje trago resenha de um livro que li recentemente, e que ganhei de presente de uma pessoa que adora bacon (que se estiver lendo isso vai saber quem é) e que eu realmente gostei!

download (27).jpg

 

Título: A última Carta de Amor

Autor:Jojo Moyes

Editora: Intrínseca

Número de páginas:378

O livro conta a história de Ellie Haworth, uma jornalista que vive nos anos 2000, e Jennifer Stirling, uma mulher da elite do sul da França, que viveu um grande romance nos anos 1960.

Jennifer acorda em um hospital, sem se lembrar de nada, depois de um acidente de carro, que todos insistem em não mencionar ao seu redor. Pouco tempo depois, estranhando as pessoas à sua volta e algumas de suas atitudes, além de um casamento que não vai muito bem, Jennifer começa a achar cartas de amor endereçadas à ela, mas todas estão assinadas somente por -B.

Depois de achar as tais cartas, começa a procurar por qualquer indício de B, e algo que possa levá-la a ele, com flashes de antes do acidente, misturados com a história de seu presente, tornando a história mais misteriosa e encantadora.

“Começara a calcular o abismo entre o que ela fora, uma criatura otimista, adorada, talvez até mimada, e a mulher que ela agora habitava. Sabia quase tudo o que era possível saber sobre si mesma, o que não melhorava sua constante sensação de deslocamento, de ter sido jogada na vida errada.”

Cerca de 40 anos depois, a jornalista Ellie Haworth acha as cartas de B nos arquivos de seu jornal. Comovida pelas palavras escritas quatro décadas antes, resolve procurar sobre o paradeiro de B e de Jennifer.

“Ellie relê a carta e se vê, inexplicavelmente, com os olhos cheios d’água. Não consegue desviar o olhar da letra grande, cheia de volteios. A urgência das palavras a toca mais de quarenta anos depois delas serem escritas.”

Com a pesquisa de Ellie, ela também reflete sobre muitos problemas de seu próprio caso de amor, com um homem casado que parece estar com ela apenas pela atração física.

O livro é dividido em partes, algumas contando a história de Jennifer, outras a história de Ellie, e sua busca por B e a própria Jennifer.

Uma coisa muito interessante do livro, são as diferenças de cultura e costumes, de uma época para outra, como a questão da independência da mulher, os relacionamentos de uma época para outra, casos fora do casamento, etc.

A narrativa se divide entre os pontos de vista de Jennifer, Moira, a assistente do marido de Jennifer, Anthony, um jornalista do jornal Nation, e Ellie.

Uma narrativa leve, com muito romance e drama, que te conquista desde o início.

OBS:Teacher Fábio, se você estiver lendo isso, muito obrigado por me dar a oportunidade de ler esse livro maravilhoso!

Estrelinhas : 4

Links para aquisições:

Amazon

Submarino

Saraiva

Fnac

Resenhas de outros livros da autora:

https://unicorniodepapel.wordpress.com/2016/04/29/como-eu-era-antes-de-voce/

INSTAGRAM DO BLOG: @unicorniodepapel

Resenha: Him

E aí meus unicórnios, como vão vocês? Hoje trago resenha de um romance, mas com um “subgênero” (?) diferente: o homossexual, e eu realmente espero que vocês curtam a resenha e que leiam o livro <3!

51ecWPEoszL._SX316_BO1,204,203,200_

 

 

Título: Him

Série: Him #1

Autoras: Sarina Bowen e Elle Kenedy

Editora: Rennie Road Books 

Número de páginas: 361

O livro conta a história de Ryan Wesley, Wes, e Jamie Canning, dois melhores amigos que por conta de uma aposta, acabam se afastando durante muito tempo.

Was e Jamie se conhecem no acampamento de hockey, por volta de seus 14 anos, e acabam se tornando os melhores amigos do acampamento. Porém, aos seus 18 anos, Wes faz uma aposta com Jamie que acaba por afastar os dois, por conta das questões pessoais de Wes.

“Jamie não se importava que eu tivesse chupado ele. Ele se importava que eu o tivesse abandonado. E saber que magoei meu melhor amigo muito mais profundamente do que eu tinha percebido me torce até embrulhar-me.”- Wes. 

Anos depois, no último ano de faculdade dos dois, Wes decide voltar para o acampamento, como treinador, depois de ver Jamie em um campeonato nacional de hockey e sentir que não pode mais ficar afastado de seu amigo daquela forma.

Lá, a atração e todos os outros sentimentos de Wes, por Jamie, vêm à tona com uma força arrebatadora, e os dois acabam sedendo, de uma forma ou de outra. Wes tenta ir no tempo de Jamie, que é relativamente novo, e que está descobrindo tanto sua orientação sexual, quanto seus sentimentos por Wes.

“O beijo vai de doce a derretido em questão de segundos. A língua dele enche minha boca em traços profundos, uma fome que me faz suspirar.”

Os temas tratados nesse livro, a paixão pelo esporte, algo que está sempre presente nos livros de Sarina Bowen; decisão de carreira, faculdade, e a homossexualidade, formaram um combo em forma de livro, com assuntos atuais e questões vividas por muitos jovens, especialmente em uma época de tão grandes mudanças, como essa.

Os personagens são incríveis. Wes, com seu humor afiado, suas tatuagens, piercings e sua arrogância, combinado com a incerteza, a dúvida e o medo de não ser correspondido por Jamie, se tornou um dos meus personagens preferidos de todos os tempos, sem sombra de dúvida.

“Será que vamos discutir sobre Sex and the City? Se assim for, eu sou a Samantha…””Você realmente sabe os nomes dos personagens de Sex and the City? Merda, se você não tivesse me dito que era gay, eu iria descobri agora…”-Jamie.

Jamie tem a mente extremamente aberta, uma leveza em seu jeito de ser, que conquista a todos. Sua personalidade, combinada com a de Wes, acabam pro formar o casal perfeito <3!

O livro é realmente muito bom, com muito romance, drama e tudo que um New-adult precisa para ser perfeito. Porém, é necessário muita maturidade, mente aberta e “cabeça” para conseguir digerir a história, e ter uma leitura proveitosa, já que o livro trata de um assunto polêmico, para muitos, atualmente.

Estrelinhas: 5+ ❤

Links para aquisição:

Amazon

Barnes & Noble

Outras resenhas de Sarina Bowen:

Resenha: The Year We Fell Down

Outros livros de Elle Kennedy:

images (6)

Resenha: Série de Janeiro a Janeiro

E aí meus unicórnios, como vão vocês? Hoje trago de uma série super fofinha e amorzinho que eu li durante as férias e que me apaixonei de um jeito que mal consigo explicar <3!

13244716_1546924078950784_2837104474710831753_n.jpg

Cada mini-livro, foi idealizado por uma leitora, que escolheu os personagens, país, ator inspirador, música tema e etc; representando cada mês do ano, com casais e histórias distintos.

51ppmwytjl-_sy346_

Janeiro Proibido: Raphael e Gabriela (#1)

Para Gabriela, Janeiro é sempre um mês complicado. Ao mesmo tempo que deveria ser um mês de diversão, pelas férias, mergulhos na piscina e tudo que se espera desse período, ela precisa enfrentar a presença do homem por quem está perdidamente apaixonada. Mas, o que ela não sabe ainda, é que esse sentimento é recíproco.
Seria tudo muito simples, se esse não fosse um amor proibido.
Após sucumbirem ao desejo impossível de controlar, Gabriela e Raphael precisarão tomar a decisão que poderá mudar o curso de suas vidas. Será que seu amor é forte o suficiente para lidar com as críticas e o preconceito da sua família? Ou será que é mais fácil desistir?

61ntau3hul

Fevereiro de esperança: Sarah e Adler (#2)

Adler se apaixonou à primeira vista. Quando conheceu Sarah, numa festa, ele soube que tudo em sua vida iria mudar. Após lutar muito para conseguir conquistar o amor de Sarah e realizar o seu sonho de casar com ela, Adler se vê preso num relacionamento morno, desgastado e fadado ao fracasso.
Cansado de viver aquela relação solitária, ele decide reconquistar sua mulher, mas ao ler uma carta endereçada a ela e segui-la em uma noite fria, ele se depara com aquilo que ele mais temia.
Será que Adler e Sarah conseguirão superar o desgaste da relação e o fantasma da perda da confiança, para salvar seu relacionamento? Ou será que é tarde demais para os dois?

51XXZ+InFuL.jpg

Março de promessas: Ryan James e Marjorie Hughes (#3)

Marjorie Hughes possui uma lista de coisas a fazer antes de completar dezoito anos. Após perder, há três anos, o seu melhor amigo e primo, Fred, ela havia decidido honrar todos os desejos dele e principalmente as coisas que o garoto adoraria fazer caso sua saúde não fosse tão debilitada. O problema é que o item mais difícil da lista se trata da perda da virgindade e, próxima do seu aniversário, Marjorie sabe que tem os minutos contados.
Enquanto a garota procura realizar um dos itens, acaba encontrando, em uma festa universitária, o sensual Ryan James. Baterista de uma banda quase famosa da Irlanda, o homem é problema com P maiúsculo e Marjorie logo nota isso.

Mas quem sabe o que a vida reserva?
Talvez o fato de Ryan ser viciante como uma droga e mulherengo como ácido consiga fazer Marjorie perceber que o amor nem sempre acontece com pares perfeitos e primeira vez idealizada com o príncipe encantado…
Bem, há quem goste dos vilões, não é?

51ixomm7ccl

Abril Obstinado: Ben Gold e Rebekah Blake (#4)

Rebekah Blake e Ben Gold, atualmente o médico mais bem-sucedido de Nevada, namoraram por três anos. O namorado inteligente e inquebrável abalou seu mundo e a proporcionou momentos incríveis. No entanto, uma proposta irrecusável obriga Ben a mudar de cidade e acabar com o relacionamento.
Um ano depois, Rebekah descobre que Ben vai se casar. Ela o conhece bem e sabe que ele está prestes a cometer o maior erro de sua vida, casando-se com uma mulher que ele obviamente não ama; não depois de tudo o que viveram. Sem pensar duas vezes, Rebekah entra no carro e vai para Las Vegas, na tentativa desesperada de mostrar a Ben o quanto são bons juntos e, principalmente, que ainda há chance de viverem esse romance.

512qnhodedl

Maio de Segredos: Dereck e Leonor (#5)

Derek é um adolescente brasileiro que se mudou para Lisboa com a família. Desde então, sua vida tem sido uma surpresa agradável. Fez novos amigos e suas notas aumentaram, porém, o que tem feito o seu coração realmente acelerar é a garota mais quieta da escola.
Um tanto estranha e cheia de manias, Leonor veste moletons compridos e é antissocial. Mas Derek logo viu que havia algo especial nela e, há um ano, guarda esse inexplicável sentimento platônico dentro de si. Até que o destino faz o que parecia ser impossível: aproxima os dois. A partir daí, eles iniciam uma relação. Uma bonita amizade, a princípio. Com o tempo, o relacionamento evolui para um romance, mas o silêncio de Leonor a respeito de seu passado faz com que Derek questione se tantos segredos não poderiam colocar tudo a perder.

516myeob-ml

Junho Destinado: Caleb Smith e Zoey Thompson (#6)

Até o mais doce dos homens pode se transformar em amargo quando a ganância de ter milhões na conta bancária passa a ser sua prioridade. Caleb e Zoey tiveram o relacionamento dos sonhos durante a adolescência e o início da fase adulta. O sentimento era tão forte que imaginavam estar destinados um ao outro.
No entanto, com o alcance do sucesso profissional de Caleb, sua personalidade muda. Ele se perde nos acordos e propostas financeiras, deixando de lado a parte mais importante da sua vida: o amor. Em uma trama na qual nada é o que parece, Junho Destinado prova que nem sempre a vida é capaz de fornecer uma segunda chance e o que as linhas escritas pelo destino são impossíveis de serem apagadas.

51iruv7fval Julho Irresistível: Thomas Sin e Ameliah Denali (#7)

Thomaz Sin é um dos políticos mais promissores e dedicados dos Estados Unidos. Com planos ousados, o congressista tem todos os pré-requisitos para ser um excelente governador, inclusive carisma e muita lábia.
No entanto, há algo a respeito de Thomaz que não existe conserto: sua vida pessoal. Livre da paixão, ele não consegue se envolver com nenhuma mulher por mais de uma noite e isso, espalhado pela mídia, é como se entregasse de bandeja a vitória para a oposição.
Ameliah Denali, a competente líder de Relações Públicas do congressista, não aguenta mais ver notícias do seu chefe fazendo todos os tipos de coisas erradas. Ela acredita que ele será um excelente governador, Thomaz pode realmente mudar o mundo, porém tudo o que ele precisa é aquietar e mostrar para todos quem está no controle. Thomaz precisa encontrar uma namorada.
Julho Irresistível mostra que, muitas vezes, tudo o que precisamos é dar uma chance para o amor e um sentimento, forte como esse, é tão irresistível que pode ser capaz de transformar doces mentiras em inevitáveis verdades.

51j4hwbbf4l

Agosto Provocante: David Colleman e Callie Venturi (#8)

Após sair de um relacionamento que lhe rendeu inúmeras traições, Callie jurou jamais se apaixonar novamente.
Feliz e tranquila por conseguir se manter afastada sentimentalmente do sexo oposto, ela segue sua vida. No entanto, dois anos depois, em seu primeiro dia na universidade, ela conhece David Colleman.
O canadense é lindo, encantador e com personalidade divertida, mas troca de garota como quem troca de roupa, exatamente como seu ex-namorado.
Callie logo percebe que ele é problema. Ela decide, então, fugir de suas garras como o Diabo foge da cruz.
A fuga até teria sucesso se David não fosse um provocador nato.
E, claro, se ele não estivesse determinado a tê-la.

51lb4ytmwl

Setembro Inevitável: Gabriel Russell e Angela Martini (#9)

Gabriel Russell tem um amor platônico há anos. Ele é apaixonado por sua melhor amiga, Angela Martini, sua fiel companheira desde que eram crianças.
Angela, no entanto, é incapaz de notar Gabriel. Ele é o seu melhor amigo e ela jamais sonharia em estragar essa amizade. Portanto, curte a vida com outros caras até encontrar o verdadeiro amor.
Em uma madrugada aparentemente comum, Gabriel abre sua porta e se depara com uma Angela bêbada e cheia de problemas. Sua melhor amiga, em meio ao desespero, solta uma surpresa inesperada.
Setembro Inevitável prova que é nas horas mais difíceis que surgem os sentimentos mais sinceros e que, às vezes, o amor está tão perto que tudo o que temos que fazer é olhar para quem está ao nosso lado.

51upji5nxjl

Outubro Destemido: Ethan Dowich e Melissa Lewis (#10)

Melissa Lewis tem um sonho: ser uma automobilista profissional. No entanto, vivendo da maneira que vive, com uma condição financeira complicada, um carro despreparado para grandes eventos e sem patrocínio, reconhece logo que é impossível.
Dessa forma, a única maneira de fazer o que gosta é correr clandestinamente nas ruas escuras de Londres.
Em uma dessas corridas, Melissa encontra Ethan Dowich, um homem de beleza incomparável. A atração entre os dois é inevitável e Mel aceita sair para jantar.
Ethan e Melissa entram em um relacionamento bonito, apesar de ser ditado por diferenças extremas nas classes sociais. Isso não os atrapalha ao longo de um ano, não quando Melissa faz Ethan prometer que jamais se intrometeria em sua vida.
Mas o que aconteceria se ele quebrasse essa promessa e desse um passo em direção à realização do sonho de Mel?
Outubro Destemido nos mostra que devemos compartilhar nossos sonhos e acreditar neles, independente de todos os empecilhos e dificuldades que possamos encontrar. A coragem deve ser a base, mas, antes de tudo, é necessário aprender a se amar e a ter fé em si mesmo.

51zygppledl

Novembro Online: Chase Wilmington e Blair Howard (#11)

Chase Wilmington é um escritor famoso, reconhecido mundialmente por seus livros de literatura fantástica. Entretanto, seus melhores amigos, também escritores, bolam um desafio no qual eles devem sair de suas zonas de conforto e escreverem algo que não estão acostumados.
Por sorte — ou azar —, Chase é jogado em um universo totalmente desconhecido, o do romance erótico.
Tentado a vencer o desafio, Chase cria um perfil fake no Facebook para entrar em grupos de romance e sondar o que as leitoras gostam e também buscar dicas de livros como fonte de pesquisa.
E é nesse momento que ele conhece a escritora independente Blair Howard.
Chase e Blair mostrarão que o amor pode acontecer independente da presença física e, por mais que existam dúvidas sobre a existência desse sentimento, fica a prova de que ele é capaz de vencer barreiras, principalmente aquelas impostas por nós mesmos.

51swycnonil-_sy346_Dezembro em cores: Anttoni Beaumont e Minnie Ambrósio (#12)

Anttoni Beaumont acredita ser um homem amaldiçoado. Após tentar se relacionar com várias mulheres e todas o tratarem somente como uma aventura, o pintor famoso de Paris decidiu que não se envolveria com mais ninguém.
Recluso em seu próprio mundo de tintas e solidão, Anttoni não esperava encontrar, em uma de suas sessões próximas ao rio Sena, uma mulher tão bonita e interessada em sua arte. Para ele, o que a desconhecida causou em seu peito seria facilmente sanado, já que o encontro não passava de uma casualidade do destino.
Mas o que era para ser apenas um caso isolado, se tornou uma convivência diária após descobrir que a menina desconhecida do rio Sena tinha um nome encantadoramente exótico e era sua mais nova funcionária.
Dezembro em Cores é o encerramento da série De Janeiro a Janeiro e nos mostra, em sua maior sensibilidade, que as promessas que fazemos pela razão podem ser facilmente quebradas pelas questões do coração.

 

Cada história merecia mais duzentas páginas e um livro físico, de verdade. Em 100 páginas, mais ou menos, você se apega tanto aos personagens, que quando cada livro acaba, você fica sem saber o que fazer! Cada personagem tem sua própria maneira de enfrentar as situações, e é muito interessante ver que não fica uma sequência, nem um padrão nas histórias, cada uma com seu ponto especial.

A autora também é um amor de pessoa, extremamente ativa mas redes sociais, interagindo com seus leitores, e também uma grande Fangirl, que faz com que nos identifiquemos mais ainda com ela e com suas histórias.

Estrelinhas: 5 + ❤

A Aline também é autora de 7 Dias com Você e de 7 Dias para Sempre, os primeiros livros da série Viajando com Rockstars, lançados pela maravilhosa Editora Charme!

13466369_1557330761243449_1480698443976045416_n

Links para aquisições:

Amazon

Saraiva

INSTAGRAM DO BLOG: @unicorniodepapel

 

 

Resenha: Simplesmente Acontece

E aí meus unicórnios, como vão vocês? Hoje trago resenha de um livro que já li há um tempo, mas que gostei o suficiente para querer compartilhar com você!

simplesmente-acontece-frente_2.jpg.1000x1353_q85_crop.jpg

 

Título: Simplesmente Acontece

Autora: Cecelia Ahern

Editora: Novo Conceito

Número de páginas:448

O livro conta a história de Alex e Rosie, melhores amigos desde os cinco anos de idade.

Os dois crescem juntos, com suas brigas, brincadeiras e tudo que uma boa e verdadeira amizade pode ter, até que Alex descobre que terá que se mudar da Irlanda para os Estados Unidos com sua família, na mesma época em que os dois devem entrar para a faculdade.

Rosie decide que também irá fazer faculdade nos Estados Unidos, com o desejo de realizar seu sonho de ter um hotel, custe o que custar, e quando finalmente consegue, um imprevisto impede que ela embarque nessa viagem com seu melhor amigo.

“Éramos inseparáveis, sendo sempre separados.”

Os dois passam os anos seguintes trocando cartas, emails e mensagens, que é como o livro é contado, especialmente do ponto de vista de Rosie.

Os dois aprendem a conviver com a distância, passando por várias reviravoltas, brigas e discussões, além do fato de terem que suportar e aceitar os relacionamentos de ambos, quando o que realmente querem, é estarem juntos.

“E eu percebi que não importa onde você esteja ou com quem esteja: eu vou sempre, verdadeiramente, amar você.”

O livro é narrado em bilhetes, cartas, emails, mensagens, etc; o que não deixa o livro denso e maçante. A leitura flui muito bem, pela forma como o livro é escrito, e você quer descobrir mais e mais de Alex e Rosie a cada carta ou mensagem.

31 anos são narrados inteiramente em mensagens, o que é extremamente interessante e inspirador, já que mostra um sacrifício que a autora teve que fazer para escrever uma história maravilhosa como essa.

Um filme, de mesmo nome, foi lançado no ano de 2014, com Lily Collins como Rosie Dune, e Sam Claffin como Alex.

download (26).jpg

Estrelinhas: 5 + ❤

Links para aquisição:

Saraiva

Amazon

Submarino

Livraria Cultura

Resenha: Um Dia

E aí meus unicórnios, como vão vocês? Hoje trago resenha de um livro que tem um lugar especial no meu coração <3! Eu realmente amo essa história e espero muito que vocês gostem!

download (24)

 

Título: Um Dia

Autor: David Nicholls

Editora: Intrínseca

Número de páginas:416

O livro conta a história de dois amigos, Dexter Mayhew e Emma Morley, que se conhecem no dia de São Switchin, e que desenvolvem laços fortes e permanecem amigos pela vida toda.

Emma e Dexter se conhecem no dia de sua formatura na faculdade, quase acabam ficando juntos, mas preferem se tornar somente amigos.

“— Estou tentando servir de inspiração. Preparar sua alma negra para a grande aventura à sua frente. — Virou-se e olhou para ele. — Não que você precise disso. Imagino que já esteja com o futuro bem-planejado, muito bem-planejado. Deve ter até um fluxograma ou coisa assim guardado em algum lugar.”

20 anos são contados no livro, todos no dia de São Switchin, uma espécie de aniversário de amizade para Emma e Dexter. Nesses 20 anos, inúmeras reviravoltas na vida dos dois protagonistas acontecem, como a fama, crises matrimoniais e financeiras, o luto e outras coisas da vida, que tornam os personagens mais parecidos conosco, mesmo que vivam em épocas diferentes.

“-Eu te amo, Dex. Muito. Eu só não gosto mais de você.”

A evolução dos personagens a cada ano que se passa é nítida, apesar de nem sempre ser positiva, especialmente no caso de Dexter, que é o que se considera “cabeça vazia”, pelo menos nos 10 primeiros anos. Já Emma é centrada e sabe o que quer, apesar de nem sempre ter sucesso.

A história é muito envolvente, engraçada e triste, tudo na medida certa. Os personagens te conquistam completamente (pelo menos no meu caso) e hoje sei que Dexter, apesar dos pesares, é meu maior ídolo!

Emma é nerd declarada e um pouco quadrada às vezes, mas não deixa de ser incrível, e um exemplo de mulher, apesar das muitas burradas que também comete.

O livro foi adaptado para o cinema em 2011, com o roteiro criado pelo próprio autor, o que resultou em uma obra extremamente fiel ao livro. Os atores protagonistas são Anne Hathaway como Emma e Jim Surtgess como Dexter.

tumblr_lynoucmgg31r89pb4o1_500

Estrelinhas: 5 + ❤

Links para aquisição:

Saraiva

Amazon

Submarino 

Livraria Cultura

Americanas

Resenha: Boa noite

E aí meus unicórnios, como vão vocês? Vim trazer para vocês mais uma resenha de um livro ao qual li ja faz umas duas semanas, porem resolvi fazer essa resenha para compartilhar esta leitura que acabou entrando para os meus top 5 preferidos.

Títuloboa-noite-capa-647x1024-2: Boa Noite

Autora: Pam Gonçalves 

Editora: Galera Record 

Número de páginas: 237 

O livro conta a história de Alina, uma garota do interior que vai para capital fazer faculdade e que tem como objetivo largar sua vida passada de CDF e ser pela primeira vez “legal”.

Como Alina não tem onde morar, pois sua familia inteira ficou em sua cidade natal, a garota vai para uma república universitária. Neste local conhece Manu, uma menina totalmente extrovertida, que só vai para festas e quer curtir a vida, porém quando se trata de assuntos sérios, sabe como lidar (e muito bem);  Thalita, que só quer saber de estar com seu namorado; e Gustavo, dono da república estudante de medicina (lindo de morrer) e que tem um costume de andar somente de samba-canção pela casa.

Assim que a protagonista chega em seu novo lar se sente um pouco perdida, seus colegas a levam para muitas festas e Alina fica muito próxima de Manu. Assim a garota ve que sua vida mudou muito, mas tem que focar nos estudos.

“Não tenho certeza se é porque estou tão longe de casa ou porque não estou mais com as pessoas com as quais convivi por anos. Só sei que alguma coisa mudou”

Na faculdade de Engenharia de computação, tem somente 4 garotas na turma, consequentemente as garotas se unem, sentem um pensamento de quase todos os professores e alunos de que: “Mulheres não vai aguentar este curso” ou “Mulher não presta para isso”. As meninas assim lutam para isto acabar, especialmente quando tem um “concurso” ao qual teriam que criar um aplicativo para uso cotidiano, os vencedores iriam ganhar um estagio e que o aplicativo fosse realmente criado.

Nessas festas que Alina vai, estava tendo rumores de uma nova droga, “suspiro”, que faz as meninas ficarem desacordadas e serem violentadas sexualmente por alguns garotos. Deixando todas as garotas com medo…

“…parece que alguém vai suspirar hoje..”

Nesta nova vida intensa, Alina começa a se envolver com garotos, ter uma vida mais agitada, e seu coração começa a bater mais forte por garotos de samba-canção…

O livro é realmente MUITO bom, historia muito interessante, ao qual nos faz refletir e pensar sobre muitos acontecimentos e noticias que vemos em jornais de vitimas de estupro e drogas na faculdade. A escrita é realmente muito envolvente, a partir do momento que voce começa a ler, não consegue mais parar, ainda mais que o livro não é comprido, em 2 horas você acaba se pegar com vontade.

Temos que incentivar mais a literatura nacional, ainda mais porque a autora é uma booktuber ao qual conseguiu escrever um livro e ser publicado (realmente um livro, e não uma biografia de 150 paginas lotadas de figuras), o exemplar foi o mais vendido no estande da Galera Record na Bienal do livro de SP.

Estrelinhas: 5 + ❤

link do canal da Pam: https://www.youtube.com/user/TvGarotait

links para aquisição:

Amazon

Saraiva 

Resenha: O Lado Feio do Amor

E aí meus unicórnios, como vão vocês? Depois de dois meses parados aqui e no Instagram, agora voltei com total disposição para tirar o pó desse blog! Esse mês teremos várias resenhas, acumuladas desde o final de junho, então o conteúdo vai ser o mais diverso possível!

11659444_444455085726765_6251552024716780304_n

 

 

Título: O Lado Feio do Amor

Autora: Colleen Hoover

Editora: Galera Record

Número de páginas:336

O livro conta a história de Tate Collins, uma jovem estudante de enfermagem, que acaba de se mudar para o apartamento de seu irmão para se dedicar ao seu mestrado.

Lá, acaba por conhecer Miles Archer, um piloto experiente, extremamente atraente e misterioso, que é nada mais nada menos, que seu vizinho e melhor amigo de seu irmão, Corbin.

Os dois sentem uma enorme atração um pelo outro, mas Miles é cheio de segredos e sentimentos escondidos, o que cria uma barreira em volta dele. Tate parece disposta a quebrar essa barreira, apesar das rejeições do outro.

“-O amor nem sempre é bonito, Tate. Às vezes  você passa o tempo inteiro desejando que um dia ele mude. Que melhore. E aí, antes que perceba, você já voltou para a estaca zero e perdeu o seu coração em algum lugar no meio do caminho.”-Miles.

Os dois acabam fazendo uma espécie de acordo: se envolveram, mas não passará do físico e do desejo, sem emoções, sem perguntas ou esperanças. Tate não pode perguntar sobre o passado de Miles, nem esperar um futuro. Mas como sente algo forte por Miles, aceitará tudo que ele puder lhe dar.

“São os momentos bonitos como esse que fazem valer a pena o amor feio.”

Até descobrirmos o grande segredo do passado de Miles, o achamos uma pessoa extremamente fria e insensível, porque é o que ele deixa transparecer, mas aos poucos as lacunas e pedaços vão se encaixando e um novo Miles é revelado.

Tate me pareceu fraca demais, apesar de eu ter gostado muito da personagem. Mas o ato de se jogar de cabeça em um relacionamento que de início não levaria à lugar nenhum, me pareceu extremo e desesperado demais. Mas ela ainda consegue ser cativante e apaixonante, apesar de tudo.

O livro é rápido, e te prende pelo fato de querer descobrir mais sobre o passado de Miles e o que acontecerá entre ele e Tate.

Um filme está em estágio de produção, e já tem o protagonista, Miles Archer, definido. Será interpretado por Nick Bateman.

download (22).jpg

Estrelinhas: 5 + ❤

Links para aquisição:

Saraiva

Amazon

Submarino

Americanas

Instagram do blog: @unicorniodepapel