Resenha:Minha Julieta

E aí meus unicórnios, como vão vocês? Hoje trago resenha do segundo livro da série Starcrossed, Minha Julieta, continuação de Meu Romeu (que já tem resenha aqui no blog!).

AVISO:Se você não leu Meu Romeu, ou não gosta de spoilers, NÃO, vou repetir, NÃO LEIA ESSA RESENHA PORQUE É INEVITÁVEL A PRESENÇA DE SPOILERS! Não diga que não avisei. 

download (8).jpg

Título:Meu Romeu

Série:Starcrossed #2

Autora:Leia Rayven

Editora:Globo Alt

Número de páginas:352

Meu Romeu, acaba com Cassie alegando que talvez seja possível abrir seu coração, e deixar Ethan entrar novamente.

Neste livro, essa atitude é contestada diversas vezes, pois Cassie demonstra uma insegurança muito maior, principalmente, porque nesse livro, ficam especificadas a primeira e a segunda vez que Ethan quebra o coração de Cassie.

“(…) uma vez que alguma coisa é quebrada, nada mais é a não ser isso. Um belo reparo, não importa quão elegante seja, não a deixa inteira novamente. Continua sendo uma porção de pedaços colados, uma imitação de sua forma anterior.”

Novamente, as cenas se dividem entre passado e presente. O relacionamento dos dois, seis anos antes do atual, é mostrado e acaba por ser muito conturbado, com muitas indas e vindas, que deixam Cassie mais confusa, e Ethan mais fechado e “sombrio”.

Muitos acontecimentos são revelados, e explicam muito sobre a personalidade atual de Cassie e Ethan.

Cassie amadureceu, como esperado, mas se tornou fria e difícil de decifrar, e não deixa mais que seus sentimentos venham à tona, até a chegada de Ethan. Sua evolução pode se considerar positiva, quando falamos  da mulher forte e independente que se tornou, mas é também negativa, considerando que ela se fechou para emoções e tentou esquecer o amor e a paixão que sentia por Ethan.

“(…) Então acho que, mesmo que ele tenha sido o maior responsável pelo nosso rompimento, também foi o arquiteto do nosso reencontro.”

Apesar de gostar muito de bad boys, personagens masculinos rebeldes, com características totalmente contrárias às de um mocinho, o Ethan atual, madura, que superou seus demônios e inseguranças, tem muito mais pontos comigo, do que o “Ethan de antes”, que tinha medo de seu futuro e de onde seus sentimentos o levariam.

Algo errado que fiz durante a leitura desse livro, foi comparar com Meu Romeu, pelo menos até sua metade. Minha Julieta, é, na minha opinião, muito mais elaborado e concentrado do que em Meu Romeu. São os mesmos personagens, mas mesmo sendo uma continuação, são histórias diferentes.

Apesar dos pesares, das relevâncias e etc; não deixa de ser um livro muito bom, bem escrito, com personagens nada convencionais, e com muita paixão e amor <3.

**O terceiro livro da série, que conta a história da irmã de Ethan, Elissa, Coração Perverso, chega às livrarias na última semana de junho!

Coração Perverso

Estrelinhas:4

Links para aquisição:

Saraiva

Amazon

Livraria Cultura

INSTAGRAM DO BLOG:@unicorniodepapel

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s